11 de Maio de 2021
tema02

Notícias

MEIO AMBIENTE REÚNE VOLUNTÁRIOS PARA AÇÃO NAS MARGENS DO RIACHO PILÕES

O pontapé inicial das ações da secretaria deu-se pela visita aos Pilões, conhecido atualmente como riacho da Santa Rita, o berço da civilização angicalense.

A preservação do meio ambiente e dos recursos naturais em Angical (PI). Com este objetivo e apoio da Prefeitura Municipal, o Secretário Municipal de Meio Ambiente, Francisco Alves, iniciou no último dia 04 e ontem (10) uma série de ações de preservação das nossas nascentes.

O pontapé inicial das ações da secretaria deu-se pela visita aos Pilões, conhecido atualmente como riacho da Santa Rita, o berço da civilização angicalense, onde é encontrada uma vasta mata permanente de regiões das nascentes de “olhos dágua”, com bromélias, samambaias, ingazeiras, arbustos e diversas plantas aquáticas. Possui ainda, várias “bicas” que são pequenos córregos de água encrustadas nas grandes rochas.  

A região fica cerca de 230 metros de altitude em relação à região urbana. A formação do riacho da Santa Rita dá-se no Morro Grande (Comunidade Tanques), onde distribui um verdadeiro manancial hídrico para os riachos da Santa Rita e Maribondo, desaguando finalmente em um local chamado de “Cachoeira” formando um verdadeiro patrimônio natural no município.

Um dos principais problemas que enfrentam o riacho Santa Rita é o descarte irregular do lixo, a canalização de água para as residências e pequenas represas nos córregos. Segundo o secretário,  Francisco Alves, a ideia inicial é criar um comitê de fiscalização ambiental nesses locais.


SECRETÁRIO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE, FRANCISCO ALVES, AJUDANDO NA COLETA DE LIXO.

“A nossa luta a frente da secretaria será para elaborar políticas públicas de preservação do meio ambiente e dos nossos recursos naturais.  O que acontece hoje nos Pilões não é só uma realidade daqui, infelizmente, e sim de vários locais em nossa cidade. Será preciso, além da fiscalização, ter medidas educativas para conscientização da população a respeito da importância de preservar à natureza e o incentivo à hábitos ecologicamente corretos, ressalta o secretário.

Na ação da SEMMA realizada ontem no riacho Santa Rita (Pilões), um grupo de voluntários recolheram mais de 10 sacos de lixos nas margens dos córregos. Além disso, informaram também aos residentes próximos do manancial, sobre a necessidade de respeitar, preservar e cuidar de um dos maiores patrimônios naturais do município.

      FORAM RECOLHIDOS MAIS DE 10 SACO DE LIXO DE 50 LITROS.